JF Castelões
 
Subscreva a nossa newsletter para se manter informado sobre a sua freguesia.
Nome:  
Email:   
subscrever
Está recenseado na Freguesia onde reside?
Sim
Não
votar
Portal do Eleitor
A Freguesia   ::  Património
Igreja Paroquial de Castelões - Igreja Matriz

Situa-se no lugar da Igreja (actualmente Largo da Igreja), freguesia de Santiago de Castelões, do Concelho de Vila Nova de Famalicão, muito próximo dos lugares de Santiago e da Bouça.

A Igreja Paroquial é cabeça da Paróquia de Santiago de Castelões, de fundação antiquíssima, pois o primeiro documento que se lhe refere data do ano de 1033.

Este documento trata da fundação do Mosteiro de Santa Maria de Oliveira (freguesia vizinha), por Marcos Arias e sua mulher Aldosinda Juliano, senhores do Couto de Belmil (hoje São Mamede de Vermil – Guimarães) e também senhores do padroado da Igreja de Santiago de Castelões, doando-o ao referido mosteiro “..., et de Sancto Jacobo de Castelanos cum attestamentis, et adinventionibus suis, ipsam Ecclesiam ob integrum, ...”.

No dia 29 de Agosto de 1308, o Arcebispo de Braga Dom Martinho de Oliveira, faz nova doação da “... Ecclesia Sancti Jacobi de Castelãos. ..”, ao mesmo Mosteiro (da Ordem dos Cónegos Regrantes de Santo Agostinho).

Em 1599, o Mosteiro de Santa Maria de Oliveira é integrado no Real Mosteiro de São Vicente de Fora, da cidade de Lisboa, implicando também a integração de Santiago de Castelões na jurisdição deste Mosteiro.

O edifício vem já referenciado nas Actas das Visitações de 1676, mas é com toda a certeza mais antigo. Assim por volta de 1740, “... e em consideração de ameaçar ruína e se achar indecente ...”, e como os dízimos e os foros da nossa Igreja pertenciam aos Mosteiros de Santa Maria de Oliveira e de São Vicente de Fora, o Capitão-Mor Custódio Francisco Braga, Senhor da Casa de Santiago (que trataremos mais adiante), pagou do seu bolso o restauro da frontaria e da capela-mor, “... integralmente de esquadria apilarada com grande decência e despesa de sua fazenda ... de todo perfeitamente acabadas, com perfeição, decência e correspondência à restante obra da Igreja ...”.

seguinte 
 
Câmara Municipal de Famalicão
IEFP
Onde Estamos
      35 utilizadores online